Notícia

COFEM/SC: Brasil está entre os 58% dos países com lei de proteção de dados

07/10/2019

Image title

O Brasil faz parte dos 58% dos países que possuem legislação de proteção de dados. Ela entrará em vigor em agosto de 2020. A informação foi apresentada durante a reunião do COFEM/SC, na sede da FCDL/SC, na manhã desta segunda-feira, 7 de outubro, em Florianópolis.

O assunto veio à tona durante a apresentação do procurador jurídico da entidade, Rodrigo Titericz, sobre a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). Ele defendeu que iniciativas de proteção de dados fomentam investimentos, além de manterem negócios e estimularem a transparência nas relações comerciais.

“Precisamos desenvolver a cultura da privacidade, o que assegurará a confiança da sociedade na entrega dos seus dados”, disse Titericz.

Para o presidente da Fetrancesc, Ari Rabaiolli, “não é possível que haja uma lei tão boa quanto a esta (a LGPD) e 5 bancos dominam o sistema financeiro nacional, obrigando o cidadão, por meio de lei, o fornecimento de dados pessoais para a formação do cadastro positivo. Estamos muito à frente e temos grande desafio em nível Brasil”.

A fala do procurador jurídico aconteceu após o presidente da FCDL, Ivan Tauffer, apresentar a entidade. Ele falou sobre o sistema no Brasil e em Santa Catarina e comentou os principais números do setor.