Notícia

Governo de SC investe quase R$ 400 milhões em infraestrutura

29/07/2020

Image title

Desde janeiro de 2019, o Governo do Estado de Santa Catarina investiu R$ 377 milhões em obras de infraestrutura em todas as regiões. Somente no primeiro semestre deste ano foram R$ 60 milhões em manutenção de rodovias estaduais. Os números compõem o cenário positivo apresentado pelo Governador Carlos Moisés em reunião com os presidentes das entidades integrantes do Cofem/SC nesta terça-feira, 28 de julho, em Florianópolis.

Dados que, na avaliação do presidente da Fetrancesc, Ari Rabaiolli, são extremamente positivos considerando o cenário de pandemia. “Mesmo com queda de arrecadação em virtude da crise gerada pela Covid-19 e com as atenções voltadas especialmente para saúde e economia, Santa Catarina ter investimentos expressivos em infraestrutura é algo realmente valoroso. Sem dúvidas que isso reflete comprometimento e impacta na atividade do transporte, o que garante parte da engrenagem econômica funcionando, em alinhamento, é claro, com o restante dos responsáveis pela cadeia”, disse o líder do Transporte Rodoviário de Cargas ao enaltecer a ação do Estado.

De acordo com o secretário de Administração de SC, Jorge Eduardo Tasca, o Estado saiu de um déficit de R$ 1,2 bilhões em 2018 para superávit de R$ 161 milhões em 2019. Isso foi fruto, segundo o chefe da pasta, da reforma administrativa, responsável pela economia de R$ 125 milhões/ano, aliada ao pregão eletrônico que somou R$ 56 milhões para o caixa público; R$ 61 milhões gerados pelo Governo sem Papel, Govcar e App Combustível; R$ 13 milhões em revisões de contratos com empresas terceirizadas; R$ 12 milhões/ano em compra de oxigênio; R$ 8,8 milhões/ano na revisão do contrato VOIP; R$ 45 milhões/ano em despesas com aeronaves; e R$ 10 milhões/ano em custos com impressoras.

Outro dado importante foram as dívidas quitadas da saúde, que somaram R$ 1 bilhão nestes 18 meses. Isso sem contar os R$ 3 bilhões investidos na área somente no ano passado.

Na oportunidade, o Governador Carlos Moisés noticiou em primeira mão ao grupo a retirada de tramitação na Alesc do Projeto da Reforma da Previdência Estadual. De acordo com o chefe do Executivo, “a proposta diverge daquela que realmente impacta positivamente na vida da população catarinense e não podemos deixar que tramite no Legislativo algo diferente”.

Os resultados dos 18 meses de gestão Moisés foram elogiados e aplaudidos pelos presidentes das entidades integrantes do Cofem/SC. Foi unânime, ainda, o apoio pela retirada da Reforma da Previdência na Alesc.