SC pela Educação: Conselho discute novo modelo de ensino médio

O diretor executivo da Fetrancesc e supervisor do SENAT em SC, Maurus Fiedler, participou nesta quinta-feira, 20, da reunião do Conselho de Governança do Movimento Santa Catarina pela Educação. Em pauta, o novo modelo de ensino médio integral que está sendo adotado no Brasil. A reunião contou com a presença do presidente da FIESC, Glauco José Côrte, do secretário de Estado da Educação, Eduardo Deschamps, do presidente da Fecomercio, Bruno Breithaupt, além de representantes da Faesc Senar e de entidades da educação.

Durante o evento foram assinados: o Termo de Cooperação Técnica que amplia o programa de educação Novos Caminhos. Um programa de apoio e qualificação profissional conta também com a adesão da Associação dos Magistrados Catarinense, Tribunal de Justiça, a OAB/SC e o Ministério Público de SC; e o protocolo de intenções entre a FIESC, SENAI, Secretaria de Estado da Educação (SED) e Instituto ITAU BBA para apoiar a implementação de novos modelos e projetos de educação.

Em Santa Catarina, o novo Ensino Médio está sendo realizado em projeto-piloto em duas unidades do SENAI e quatro escolas estaduais da rede Cedup. Nessas experiências, o estudante faz dois cursos (médio e técnico) em um único programa de ensino, com 3.200 horas e três anos de duração. Outras 15 escolas estaduais adotam o modelo de ensino em tempo integral.

A coordenadora do Núcleo Pedagógico do SEST SENAT em Santa Catarina, Elaine Dalpiaz, também participou do evento.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *